}

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

[RESENHA] A Vida na Porta da Geladeira - Alice Kuipers

Por Taline Carmo


A vida na porta da Geladeira

Alice Kuipers

ISBN-13: 9788578271541

ISBN-10: 8578271548

Ano: 2009 / Páginas: 226

Idioma: português 

Editora: Martins Fontes




Sinopse: Claire, de 15 anos, e sua mãe têm uma rotina muito atribulada. Nos raros momentos em que a mãe está em casa (ela é obstetra), a filha está na escola, com amigos ou com o namorado. Resultado: as duas quase não se veem e se comunicam deixando recados na porta da geladeira. Esses recados vão desde cobranças banais [Oi, MÃE! (Que eu NUNCA MAIS vi!)] até revelações tocantes e contundentes por parte de mãe e filha durante o penoso tratamento do câncer de mama da mãe, num ano que se revelará decisivo para as duas. Em seu romance de estreia, Kuipers capta a ansiedade por trás da tragédia e revela a importância de viver a vida intensamente, lembrando ao leitor a necessidade de encontrarmos tempo para as pessoas que amamos mesmo em momentos de dificuldade e desafios.



O livro narra a vida cotidiana de Claire estudante de 15 anos e sua Mãe que trabalha em um hospital. Elas duas tem uma vida cotidiana muito corrida, Claire estuda e ás vezes faz um pico como Babá e sua mãe vive no hospital trabalhando. A vida delas é descrita através de bilhetes deixado na porta da geladeira. Que ás vezes é um simples pedido para fazer compras ou o termino de um relacionamento e até mesmo a descoberta de uma doença.

Filha,
leite
maça
banana
abacate
cebola
batata
tomate
champingnon
cenoura e ração de coelho para o Peter
carne moída
pão
suco – você escolhe
Se der para você carregar mais coisa, compre um
frango e duas latas de feijão cozido. Se não, pode deixar
pra lá, vejo isso amanhã.
Com amor,
Mamãe
Dinheiro na bancada. Não esqueça a chave!

A leitura deste livro é bem rápida e gostosa de fazer pois é uma leitura leve,divertida, e bem emocionante por mostrar o amor e luta de uma Mãe e uma filha contra uma doença séria que foi "vista" como uma doença simples. Porém a história destaca a importância de estar presente na vida das pessoas que amamos compartilhando os pequenos e grandes momentos mesmo vivendo uma vida tão corrida...



Eu não consigo ler este livro sem chorar e sem pensar que a qualquer momento estamos correndo o risco de perder que amamos e que qualquer minuto pode ser o último de alguém que é  essencial em nossas vidas!

4 comentários:

  1. Parece ser um livro tocante, não ter tempo para a família é uma das piores coisas.
    Adorei sua resenha e pretendo ler o livro logo😘

    ResponderExcluir
  2. Obrigada!!Ele é muito tocante!!
    😍😍

    ResponderExcluir
  3. Adoro livros assim, adorei sua resenha, e fiquei com vontade ler . Vou acrescentar esse livro a minha lista :*

    ResponderExcluir