}

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

[RESENHA] Frankenstein - Mary Shelley

Por Patricia Christmann

Olá lindos leitores.
Quem ai gosta de um bom livro levanta a mão!!!!!!


Confesso que sempre gostei da história de Frankenstein, mas nunca havia lido com detalhes. Apenas aquela contada de boca e boca.
E não é que eu estava perdendo um bom livro!!




Frankenstein

Frankenstein

Mary Shelley

ISBN-13: 9788525423580
ISBN-10: 8525423580
Ano: 2011 
Páginas: 84
Idioma: português 
Editora: L&PM

Sinopse: Tradução e adaptação para neoleitores de Claudia Buchweitz. Ilustrações de Gilmar Fraga. 
A história da Criatura que foge ao controle do seu Pai, o cientista-criador, mostra as consequências da ambição desmedida e levanta discussões sobre os limites da pesquisa científica. Assim como o livro Drácula, de Bram Stoker, ou O Médico e o Monstro, de Robert Louis Stevenson, Frankenstein desafia experientes leitores - ou aqui, neoleitores - a imaginar o inexplicável! 
Os livros da coleção É só o Começo foram pensados e criados para todos, homens e mulheres, jovens ou não, que estão começando a sua vida de leitor. Também serão muito bem utilizados por estrangeiros que desejam se familiarizar com a língua portuguesa do Brasil. Foram escolhidas histórias importantes, e a linguagem foi adaptada para facilitar a leitura.




Ganhei o livro Frankenstein de uma amiga e percebi que conhecia a história mas nunca a fundo.
Grande surpresa foi descobrir ainda que não conhecia nem metade dos fatos e que julgava o monstro como o causador de todos os males.
Mas será ele tão mau? Será culpado pelas atrocidades todas?

O livro é contado por um marinheiro que encontrou o Dr Frankenstein praticamente morto em meio a neve e mares gelados. O marinheiro o acolhe e ouve atentamente os relatos desse moribundo que busca salvar o mundo de algo terrível.
O Monstro.

Dr Frankenstein é um brilhante medico que busca uma resposta que todos buscamos, a resposta que trará vida e vencerá a morte. Seria isso possível?
Na sua busca desenfreada, ele acaba conseguindo criar uma criatura perfeita, mas esteticamente ele é monstruoso. Um homem enorme, musculoso, mas repleto de cicatrizes, pele fria como a neve e olhos medonhos. O medo foi tanto que Frankenstein abandonou sua criação e fugiu.
Mas com o passar do tempo, Frankenstein é encontrado por essa criatura e sua vida se torna um verdadeiro inferno.
"Devo respeitar o homem, quando ele me despreza? Se ele fosse bondoso comigo, eu, em vez de maltratá-lo, o cobriria de benefícios, com lágrimas de gratidão por me haver recebido. Mas isso é impossível; os sentidos humanos constituem barreiras intransponíveis para a nossa união."
A privação de amor e afeto transformou a sua criatura em algo terrivelmente mau. E o Dr Frankenstein esta buscando uma forma de se livrar dela. Mortes e desgraças acontecem na vida de todos que rejeitam a criatura.

Teve momentos em que eu realmente me vi revoltada, o livro nos conta uma história trágica que mostra a verdadeira face da sociedade. O desprezo, a luxuria e o preconceito com o diferente. Podemos ver como o mundo trata milhares de pessoas. Frankenstein foi escrito por Mary Shelley em 1818, mas pode ser plenamente identificado com os dias de hoje. Um mundo em que o que não é belo e agradável aos olhos é descartado, onde as pessoas são capazes de tudo para conseguir o que querem, sem se importarem com as consequências.

Não dou razão ao que a criatura fez, mas como você vai aprender algo bom se o mundo só lhe mostra o lado mau?

Espero que a mensagem desse livro possa alcançar inúmeros corações e evitar tragedias como essas. 






Alguém já leu?
Vamos conversar! 

Beijinhos meus amores.


Leia também:




2 comentários:

  1. Nunca li, mas fiquei muito interessada...Tá dá hora sua resenha, amore!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada linda!
      O livro é muito gostoso de ler, você vai gostar.

      Excluir